domingo, 6 de novembro de 2011

Até onde a culpa é do outro.

Alimentar os filhos não é tarefa fácil para àquelas mães de filhos "chatinhos" para comer. Nunca passei por isso. Ainda bem. Meu filho comia (hoje ele não quer mais com tanta frequência) todos os dias alface, agrião e beterraba, não podia faltar que ele me cobrava. Ele gosta de cebola crua, brócolis, abóbora. Não é privilégio meu, é dele, eu ofereço, quando quer ele experimenta, quando gosta come. Imagino a luta das outras mães tentando fazer os filhos comerem, ou até experimentarem alguma coisa (era um sacrifício fazer meu filho experimentar um pedacinho de algo, parecia que eu oferecia veneno) .


Estava pensando nisto esses dias, lendo uma notícia no site uol. Acho que toda rede de restaurantes e lanchonetes deve ter sim opções de comidas e lanches saudáveis e magros. Mas, acho eu, as que não tem esse tipo de opção não podem ser criticadas, e sim, não frequentadas por aqueles que queiram tem uma alimentação saudável, correta. Tô falando isso, por que já ouvi muita gente aqui do meu mundo real criticar o Mc Donald´s por não ter (na época) uma opção saudável pra criança, concordo, desde que a criança já tenha este hábito ou queira num domingo a tarde comer maçã e beber leite no shopping. Me entenderam ? A criança tem que querer, tem que gostar, tem que estar acostumada a lanchar leite com maça. É uó ver mães estressadas querendo que os filhos comam maçã domingo à tarde, caramba, tem a semana toda pra isso, e vai ter que comer sem querer ?


Se uma criança  come numa lanchonete 1 vez por semana, isto significa que os outros 26 dias ela se alimenta em casa, na casa da vó, almoçando ou jantando. Então, acho eu, que os pais tem a semana inteira para tentar negociar uma alimentação correta, saudável e magra, e que numa refeição da semana, se ela puder e quiser , porque não comer hambúrguer com batata frita?






Beijocas.



5 comentários:

  1. Oi... eu apóio sua idéia! Eu faço de segunda a sexta feira, café, almoço e jantar(que geralmente é lanche ou as sobras do almoço melhoradas) e no final de semana ou na sexta-feira de noite eu quero mais é sair de casa... vamos em um restaurante chamado "Casqueiro" aqui na cidade e meu filho menor come batata frita até pelo nariz...
    A gente fica no chopp e petiscos e é uma festa.
    Perfeito seu raciocínio... é isso mesmo, e folga pra gente na cozinha!!!!
    CamomilaRosa

    ResponderExcluir
  2. Verdade, concordei com tudo, ainda não tenho filhos, mas quando tiver não quero ser esse tipo de mãe chata, vou ser q nem minha mãe, ela sempre fazia, se um de nós não queria comer ela dizia, se quiser come, se não kiser não come, e em por isso deixava de fazer... Bjs

    http://sublimesblog.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Concordo plenamente com vc. O meu filho é muito dificil pra comer coisa saudável. Mas eu tento todos os dias, das forma mais variadas possíveis. Mas o dia que vamos comer na lanchonete, ou no shopping tá liberado, é o que ele quer.
    Acreditei durante muito tempo que ele nunca recusaria qualquer tipo de alimento, pq todas as pesquisas indicavam que se fosse costume da família comer legumes e verduras as crianças acompanhariam.
    Ledo engano. Enfim, tem que ser paciente e persistente.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  4. É isso mesmo, só não admitimos aqui em casa nenhum dia que filha beba refrigerante, ela não bebe e nem pedi ela é ruim para comer tudo até bobeira, acredita não comi biscoito recheado, bolo, simplesmente não gosta já fiz provar, e não gosta, gostei muito do seu post, grande abraço.,

    ResponderExcluir
  5. Verdade! Meus filhos são adultos e quando coincide de estarem juntos aqui em casa, eles comem normalmente , mas tiram um dia pra comer "besteirinhas" como: batatinhas, pimentinhas, salgadinhos repletos de corantes, e tudo o que tem direito. Segundo eles, é dia de pic nic. bjos

    ResponderExcluir

Oi, obrigada por sua visita!