domingo, 20 de setembro de 2015

Leandro Karnal #Curti Compartilhei 9

Leandro Karnal é um historiador brasileiro e professor da UNICAMP. Tem vários vídeos excelentes dele no youtube, resolvi compartilhar com vocês um que curti demais: 


"Hamlet de Shakespeare e o mundo como palco¨ 



Ele fala um pouco de cada assunto, com inteligência e sagacidade.

Sobre Hamlet na era Facebook: "Hamlet é o anti-facebook. Hamlet não só não é feliz como não faz questão de parecer feliz. Hamlet nada publica ao estilo: almocei, tá sol aqui. E jamais diz: kkkkkkkkkkkkkk. Hamlet é melancólico. Hamlet se veste de preto e anuncia que o preto é a cor que reflete melhor o estado da sua alma." 

Ele sintetiza os conselhos que Polônio deu ao seu filho Laertes. Escrito por Shakespeare em torno 1600, mas vale para toda uma vida:

. Não expressar tudo o que se pensa.

. Ouvir a todos, mas falar com poucos.

. Ser amistoso, mas nunca ser vulgar.

. Valorizar amigos testados, mas não oferecer amizade a cada um que aparecer na sua frente.

. Evitar qualquer briga, mas se for obrigado a entrar numa, que os seus inimigos o temam.

. Usar roupas de acordo com sua renda, sem nunca ser extravagante.

. Não emprestar dinheiro a amigos, para não perder amigos e dinheiro.

. Sê fiel a ti mesmo e jamais será falso com ninguém.

Sobre a corrupção no Brasil: " Há uma categoria de pessoas dando conselhos políticos hamletiano, que são as pessoas felizes, essas pessoas felizes no Brasil, seriam aquelas que acreditam profundamente, muitas pessoas acreditam, que a corrupção está a cargo de um partido. As pessoas que acham que a corrupção está a cargo de um partido e que bastaria tirar este partido do poder para que o reino da justiça e da igualdade se instalasse no país, são pessoas muito felizes. São pessoas que substituíram o culto como o do Papai Noel e do coelhinho pelo conto da corrupção isolada."

Sobre a velhice : "Quanto mais eu envelheço eu tenho medo. Quanto mais eu tenho medo, mas eu vou tendo consciência do mundo. A consciência nos torna covardes."
Para entender essa covardia, veja estória que ele conta da piscina e o que ele leva para as viagens é sensacional. Tempo : 34:25

Sobre ofensas : "Eu só posso me ofender se eu não me conhecer. Alguém me insulta dizendo algo sobre uma questão pessoal, só há duas hipóteses: A pessoa está dizendo a verdade ou ela está mentindo. Alguém no trânsito me grita algo sobre uma opção sexual possível que o motorista que eu fechei interpreta que eu tenha, duas hipóteses: de fato eu tenho e não me ofendo ou de fato eu não tenho e não me ofendo."


Recomendo que se veja o vídeo, pois ele é infinitamente melhor do que o resumo que postei.

“Tente descobrir vagamente quem você é. Você não será feliz. Mas sua consciência o impedirá a ser vazio. E você não precisará postar o tempo todo na internet.”

Esse post faz parte da blogagem coletiva da Fernanda Reali, a #CurtiCompartihei.

Venha participar também, compartilhe com a gente alguma coisa que chamou sua atenção. Um livro, uma palestra, uma notícia, um post, um produto, um lugar, alguma coisa que você tenha feito.






*

sábado, 29 de agosto de 2015

Antes e Depois - Pondo mais cor na sala #CurtiCompartilhei 8

Há um ano e meio mais ou menos, pus amarelo numa sala sem vida, agora resolvi acrescentar turquesa, adorei o resultado.

Aqui o antes e depois do ano passado:


E o deste ano:


Enjoei das telas de orquídeas, guardei as flores que já estão até desbotadas, e uma tela aproveitei e fiz o "LOVE". Não está do meu agrado este quadro grande nesta parede, mas deixei aí até eu decidir o que vou por, ideias não faltam. (Sim! Minha tv pesa 50 kg, kkkkk)







Esse post faz parte da blogagem coletiva da Fernanda Reali, a #CurtiCompartihei.

Venha participar também, compartilhe com a gente alguma coisa que chamou sua atenção. Um livro, uma palestra, uma notícia, um post, um produto, um lugar, alguma coisa que você tenha feito.








                                                         *